Tempo em Guararema
32°
18°
tiempo.com  +info
GUIA

Poema de Oferenda

“Eu, aquele estranho”, por Lucas Luiz

o que de mais sincero tenho

amp; posso ofertar-lhe:

é o erro

nbsp;

um errar preciso

amp; sem nenhuma vergonha

nbsp;

um errar eloquente

de adolescente

nbsp;

um errar retumbante

desses que apenas

teu Deus é capaz

minha rima feito arrimo

nbsp;

esta vida inteira

de claudicância

esta vida inteira

sem ritmo

nbsp;

e sendo — como o

mandamento de Quintana

cravado às pedras —

a poesia dança e a dança,

alegria;

meus pés não se sustentam

nbsp;

despenco pra cima

no precipício dos versos

enquanto minhas falhas é que dançam

nessas folhas de calendário…

nbsp;

por Lucas Luiz, jovem escritor guararemense (a href=http://luscaluiz.blogspot.com/luscaluiz.blogspot.com/a)

emPostado em 09 de setembro de 2016/em

Comentários (0)
Comentar