Tempo em Guararema
23°
11°
tiempo.com  +info
GUIA

Sr. Luiz Charreteiro

Lembranças e Saudades de Luiz Antonio de Araújo

Quantas histórias existem entre as pessoas de a href=http://guararematem.com.br/ target=_blankGuararema/a? E de quantas histórias será que essa pessoa tão querida fez parte? Com certeza de muitas. Com certeza muitos guararemenses utilizaram a charrete do Sr. Luiz e conheceram essa pessoa que ajudou a contruir nossa cidade. A família do Sr. Luiz Charreteiro enviou à redação os seguintes dizeres, que publicamos com muito carinho para homenageá-lo também: “Luiz Antonio de Araújo, mais conhecido como o Sr. Luiz Charreteiro, nascem em Santa Branca, em 5 de janeiro de 1930 e veio para a href=http://guararematem.com.br/ target=_blankGuararema/a aos 12 anos de idade, aonde viveu até o seu falecimento que ocorreu em 19 de novembro de 2013. Foi casado com Dona Isaura de Souza Araújo com quem construiu uma família com cinco filhos: Otílio, Izilda, João Luiz, Tereza Maria e Claudinei e netos. Exerceu a profissão de carvoeiro, carreiro, açougueiro no antigo mercado municipal de a href=http://guararematem.com.br/ target=_blankGuararema/a, retireiro e charreteiro.Um homem de fé. Esportista. Calmo, Humilde. Tranquilo…

No dia 5 de janeiro de 2014, o Sr. Luiz Charreteiro, completaria 84 anos, data que jamais será esquecida… O tempo passa rápido e deixa dentro do peito um vazio que é preenchido por todas as boas lembranças. No seu lugar ficou uma palavra chamada saudade. Saudades de suas histórias, saudades de vê-lo em sua charrete que por 40 anos percorreu pelas ruas de a href=http://guararematem.com.br/ target=_blankGuararema/a levando crianças, gestantes, compras, pessoas feridas. Há marcas na vida que nem o tempo apaga, são marcas que estão frisados dentro do peito… Mas entendemos que foi a vontade soberana de Deus…
Pai! Essa homenagem é da sua família Araújo.”

emHomenagem da família Araújo publicada no Jornal D Guararema, na Edição 62 de 8 de fevereiro de 2014/em

nbsp;

Comentários (1)
Ver Todos Comentar

  1. Telina

    Linda esta matéria. Sr. Luiz me levou muito de charrete para casa dos meus avós quando eu era criança. Ele é um patrimônio nas memórias desta cidade.